Share |

segunda-feira, 25 de abril de 2011

Champions: O xilique de Mourinho






Que o técnico do Real Madrid José Mourinho não gosta de perder, não é novidade pra ninguém. Mas dessa vez ele perdeu a noção do ridículo.




A expulsão do Pepe pode até ser discutida. Eu mesmo já vi várias entradas mais violentas que não renderam cartão vermelho ao infrator. Mas não é nada absurdo um jogador ser expulso depois de uma jogada dessas. E o resto, é chororô internacional.




Dizer que o Barcelona é constantemente beneficiado pela arbitragem e induzir o raciocínio de que a equipe catalã só conquista títulos com a ajuda dos juízes chega a ser ridículo. Trata-se do time mais talentoso do mundo no século XXI, que conquistou as principais competições, nacionais e internacionais, nos últimos anos. Com Messi, Iniesta, Xavi, Villa, Daniel Alves e cia, e o entrosamento adquirido por eles ao longo das temporadas, essa equipe não necessita de ajuda nenhuma, de qualquer natureza.




O técnico português afirmou ainda que o Barcelona já está classificado e que a expulsão foi determinante para isso. Parece choro de mau perdedor. Mas como Mourinho costuma adotar táticas motivacionais nada convencionais, é bom desconfiar desse discurso estapafúrdio.




Renato Stafford

0 comentários:

Postar um comentário