Share |

quinta-feira, 24 de março de 2011

Corinthians menos fenomenal, mas jogando mais


O Corinthians tem dado o que falar seja dentro e fora de campo. Eu não entendia o porquê do lamento de alguns (repito, alguns) torcedores com relação à aposentadoria do Ronaldo. Concordo que faltava uma pessoa de área no time, mas vamos combinar que o Fenômeno, grande nome da Copa de 2002 e do futebol mundial, não estava mais rendendo nada. Sua presença podia até abalar alguns adversários, mas sinceramente não apresentava resultados.


Acredito que a sua aposentadoria apenas colocou urgência na solução do problema do ataque do Corinthians. E assim foi feito. Andrés trouxe Liédson que entrou excepcionalmente bem no time. Sua eficiência é de fazer inveja. Além disso, outros jogadores assumem a responsabilidade, como Dentinho, Jorge Henrique e Fábio Santos.


Agora está na imprensa que Adriano deverá fechar com o Corinthians. É inegável a qualidade do Adriano pelo o que já fez no Flamengo, no São Paulo e principalmente na Inter de Milão. Com os laterais e meias que o Corinthians tem, acredito que Adriano fará, se contratado, muitos gols. No entanto, não sei se o time precisa de uma estrela polêmica a essa altura do campeonato.


Além disso, há um jogador, em outra posição, que considero fora de série no time do Corinthians e que está no banco. Trata-se de Bruno César. Porém, mesmo em baixa no Parque São Jorge sob a batuta de Tite, Bruno tem seu mercado e foi associado ao Porto. No entanto, gostaria que ele continuasse a jogar no futebol brasileiro. Vejo-o com um perfil bem interessante e que, na sua melhor forma, pode dar bastante dor de cabeça ao Mano Menezes.


Jorge Mendes


0 comentários:

Postar um comentário