Share |

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Lomba não é substituto para Bruno





É um post polêmico, mas peço que leiam até o final antes de xingar ou bradar contra o blogueiro. O goleiro bruno, que está preso em Minas Gerais acusado de ter matado a ex-namorada Elisa Samúdio, faz muita falta ao Flamengo dentro de campo. Ressaltando: dentro de campo.

Seu substituto Marcelo Lomba fez boas partidas, mas em nenhum momento conseguiu mostrar a calma que um goleiro rubro-negro tem de ter. Falhou em alguns jogos e a pouca confiança que tinha foi para o espaço.

Bruno, dentro de campo, era exatamente o inverso. Transbordava confiança, quase beirando a soberba. Quem diz que goleiro não decide jogo, certamente não o viu com a camisa do Flamengo. Foram dois Estaduais ganhos por ele na disputa de pênaltis. Além disto, atuações sensacionais na reta final do Brasileirão quando, só para exemplificar, pegou dois pênaltis de ganso e o Flamengo venceu o Santos por 1 a 0.

Não tenho nada contra Lomba (e muito contra Bruno fora de campo) e até me emociona o amor e carinho que ele fala do Rubro-negro e da Nação, mas são goleiros de níveis diferentes. enquanto Bruno não poderia ficar fora de uma lista com os cinco melhores goleiros do país. Lomba é uma grande interrogação, uma aposta que não se sabe se terá retorno.

Mas Bruno achou que poderia tudo e jogou sua carreira por água abaixo ao possivelmente cometer um crime, para qual o futebol não o perdoará.
Rodrigo Stafford

0 comentários:

Postar um comentário