Share |

sábado, 27 de novembro de 2010

A desgraça palmeirense



O Palmeiras conseguiu o impossível! Precisava apenas de um empate para chegar à final da Copa Sul-Americana, em casa, contra o Goiás. Sim, o rebaixado Goiás, que tem um time horroroso com péssimos jogadores como Rafael Moura, Marcão, Amaral e Wellington Monteiro... e os goianos venceram por 2 a 1, no Pacaembu, com grande atuação de Rafael "He-Man" Moura.

Os palmeirenses começaram com tudo, indo para cima e fazendo 1 a 0. Mas as substituições de Felipão foram ruins. lincoln estava bem e não tinha que ter saído. É verdade que Kleber perdeu boas chances de matar a partida. Mas quem o fez foram os goianos, que agora disputam a decisão de uma vaga na Libertadores, sabendo que irão jogar a Série B.

Será que o Palmeiras está feliz de pagar mais de 700 mil reais por mês para chegar em décimo no Brasileirão e ser eliminado por um time rebaixado na Sul-Americana?

1 comentários:

Fernando Tassano disse...

O trabalho do Felipão foi fraco. Mas também não foi ele que montou este time! Um time muito fraco, com apenas 5 ou 6 bons jogafores! Mas, com este investimento, eu esperava mais! Não título do brasileiro e, sim, desse torneio fácil da sul-americana!

27 de novembro de 2010 18:31

Postar um comentário