Share |

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Qual é o problema do Val Baiano?



Benção de padre, oração de pastor, nem macumba (ou boacumba) parecem resolver o problema de Val Baiano, o atacante que não faz gols. Já ganhou apelidos de Val Bulani e Val Canela pela sua ineficiência como homem-gol.

Confesso que por causa das férias não assisti a nenhum jogo do Flamengo com o natural de Jequié em campo. Mas bastou uma olhada nos números do campeonato e no seu histórico para ter noção da fúria dos rubro-negros. Em nove jogos, nada de balançar as redes. Algo que se repetiu na sua passagem pelo Santos: onze jogos, 0 gols.

Visivelmente acima do peso e fora de forma, deu-se um voto de confiança na sua chegada à Gávea. Mas passadas algumas rodadas, viu-se que o problema não era só físico. É técnico também. Falta qualidade no domínio da bola e nas finalizações. É só rever o lance da bola na trave que sobrou para Kleberson contra o Vitória.

O próprio, em entrevista, disse que o time do Flamengo precisa de mais atacantes. O que mais se pode esperar dele. Aos 29 anos, será que ainda dá para resolver esse pequeno problema?


Tatiana Furtado

1 comentários:

Rodrigo Stafford disse...

Val baiano não é um jogador para time grandes. Tem fases boas, mas sente o peso da camisa até ao amarrar as chuteiras. outro problema é correr errado. Assim, tira a possibilidade de passes de Petkovic e o time perde velocidade. Val baiano é um cara gente boa, dá otimas entrevistas, mas quando põe a camisa, atrapalha o time.

13 de setembro de 2010 12:45

Postar um comentário