Share |

segunda-feira, 17 de maio de 2010

O velho Schumacher em ação





Nem tão chata como de costume, nem tão emocionante como dificilmente será. O GP de Mônaco foi razoável. Só isso. Mark Weber mostrou segurança e venceu de ponta a ponta. Alonso fez ótima corrida de recuperação graças ao safety car. Mas o que chamou a atenção na corrida do principado foi a última curva. A atitude do hexacampeão Michael Schumacher mostrou que o alemão está voltando.


Qualquer outro piloto, com um carro mediano nas mãos, na última volta com safety car na pista, estaria mais do que satisfeito com o sétimo lugar e já quase batendo no cinto para sair do cockpit. O alemão não. Atento e com a velha fome de vitória, manteve-se perto o suficiente de Alonso, esperou a saída do carro de segurança e se aproveitando que o espanhol espalhou na curva, deu o bote na hora certa e lhe tomou o sexto lugar.
A manobra foi considerada irregular porque o regulamento não permite ultrapassagem se a última volta foi dada com safety car. É como se houvesse bandeira amarela, mas vimos a luz verde acesa.

Mesmo que tenha sido punido e perdido os pontos com o 12º lugar, o alemão deu mostras de que, longe de disputar o campeonato, continua capaz de dar aula de pilotagem e passar por cima das regras. Ainda que seja em uma única ultrapassagem.


Tatiana Furtado

0 comentários:

Postar um comentário