Share |

terça-feira, 27 de abril de 2010

Ingratidão teu nome é Fluminense


Rodrigo Stafford
Uma das coisas mais tristes que existe na vida é a ingratidão. E o Fluminense deu uma aula de como ser ingrato na última semana. Ao demitir o técnico Cuca, o clube mostrou o quão é despreparado e imediatista e o quanto vencer é apenas um detalhe.

Cuca foi demitido com aproveitamento de quase 70%. Grande parte dele contra times pequenos e ruins, é verdade. Mas, nada apagará o milagre feito no campeonato Brasileiro de 2009, quando pegou o time na última colocação, virtualmente rebaixado (chegou a ter 99% de chances de cair) e fez uma grande mudança, barrando medalhões do time e salvando a equipe da temida Série B.

O time de guerreiros intecedeu junto a diretoria pela permanência do treinador, no entanto, fez errado. Não é a diretoria que demite, contrata ou planeja no Fluminense, e sim, Celso Barros, presidente da Unimed.

3 comentários:

Thomps disse...

Bom, ingrato por ingrato o Flamengo também o é! Demitir o Andrade Campeão Brasileiro foi até pior!!
Mas acho q se o flu errou sim ao demitir o cuca acertou em cheio no muricy!
F**** Geral!
Avante FLU!

27 de abril de 2010 16:44
Pedro Henrique disse...

Caro Rodrigo, concordo com tudo o que disse sobre a demissão do Cuca.
No entanto, sou obrigado a concordar com o Thomps, na medida em que o Andrade foi demitido também com aproveitamento de 70%, além do bônus de ter sido campeão brasileiro.

27 de abril de 2010 17:56
Rodrigo Stafford disse...

Mais do que concordado. Mas, o que fez o Andrade ser demitido não foram os números, mas a falta de pulso para comandar o time.

27 de abril de 2010 19:53

Postar um comentário